Sistemas de Informação

A tecnologia avança muito rápido. Estar informado e ligado é o caminho para o futuro.

De acordo com a orientação nacional da área da Computação e da Informática, os cursos da área de computação e informática têm como objetivo a formação de recursos humanos para o desenvolvimento tecnológico da computação (hardware e software) com vistas a atender necessidades da sociedade, para a aplicação das tecnologias da computação no interesse da sociedade e para a formação de professores para o ensino médio e profissional.

Neste contexto, o curso de Bacharelado em Sistemas de Informação da Faculdade de Balsas tem a computação como atividade meio e visa à formação de recursos humanos para o desenvolvimento/automação dos sistemas de informação, com ênfase para sistemas empresariais e para a Internet.

Este curso reúne a tecnologia da computação e a tecnologia da administração e, portanto, possuindo ambas as áreas, um enfoque pragmático bastante forte.

Denominação:
Graduação em Sistemas de Informação


Grau conferido:
Bacharel em Sistemas de Informação


Duração do curso:
4 anos


Modalidade:
Presencial


Regime:
Seriado Semestral


Carga horária:
3.211 horas


Turno:
Noturno


Investimento:
R$ R$ 733,24*
*Valor com desconto de 8% para pagamento até a data de vencimento, exceto matrícula, durante o primeiro semestre de 2017.
As parcelas da semestralidade, subsequentes a primeira e até a última, poderão ter seu valor corrigido ou reajustado em conformidade com a legislação aplicável e no prazo por ela previsto.

A função de sistemas de informação tem a responsabilidade geral de desenvolver, implementar e gerenciar uma infraestrutura de tecnologia da informação (computadores e comunicação), dados (internos e externos) e sistemas que abrangem toda a organização.
Tem a responsabilidade de fazer prospecção de novas tecnologias da informação e auxiliar na sua incorporação às estratégias, planejamento e práticas da organização. A função também apoia sistemas de tecnologia da informação departamentais e individuais.A atividade de desenvolvimento de sistemas para processos organizacionais e inter-organizacionais envolve o uso criativo de tecnologia da informação para aquisição de dados, comunicação, coordenação, análise e apoio à decisão. Há métodos, técnicas, tecnologia e metodologias para essa atividade. A criação de sistemas em organizações inclui questões de inovação, qualidade, sistemas homem-máquina, interfaces homem-máquina, projetos sócio-técnicos e gerenciamento de mudanças.

Ementa:

Histórico e evolução da Computação. Princípios de funcionamento do computador digital. Organização de Computadores: Processador, memória e dispositivos periféricos. Sistemas de Numeração. Aritmética Computacional. Introdução à Álgebra de Boole. Funções Booleanas, Portas Lógicas e Circuitos Lógicos.

Ementa:

Estudo da postura epistemológica em ambiente universitário. Aspectos referentes à vida universitária. Concepções de estudo e aprendizagem. Formas de relacionamento com o conhecimento. Órgãos deliberativos e de apoio acadêmico da Faculdade de Balsas. Regulamentações da Faculdade de Balsas e Curso.  Abordagem inicial das habilidades e hábitos de leitura. Introdução a aspectos referentes à elaboração de trabalhos acadêmicos e atividades de pesquisas e extensão.

Ementa:

Histórico da Internet, conceitos básicos e Redes Sociais. Conhecimento de HTML, estrutura e comandos. Conceitos iniciais de desenvolvimento de páginas e Sites. Hospedagem e atualização de Sites, Sistemas de Gestão de Conteúdo.

Ementa:

A qualidade da linguagem escrita e falada para os profissionais do curso. Formas de comunicação. Regras básicas para a correção de textos. Tipologia Textual. Leitura e produção de textos visando a desenvolver habilidades de elaboração de textos orais e escritos. Ênfase para técnicas de apresentação e produção de redação oficial – redação técnica, resumo, relatório e resenha. Os termos técnicos, neologismos e os formatos linguísticos profissionais.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Algoritmos e Programas. Introdução a Compilação. Ambientes de Desenvolvimento e Programação. Tipos de dados escalares, variáveis, atribuições e expressões. Estruturas de controle: decisão, repetição e desvio. Modularização e funções. Passagem de Parâmetros.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Modelos de gerenciamento de redes de computadores: normas e padrões. Protocolos de gerência. Qualidade de Serviços. Projeto lógico e físico de redes. Ferramentas para gerenciamento de redes de computadores.

Ementa:

As organizações. A Administração. O administrador. Habilidades gerenciais. Ambiente interno e externo de negócios. Cultura organizacional. Responsabilidade econômica, social e ambiental. Abordagem sistêmica. Abordagem contingencial. Tomada de decisões. Sistemas de informações gerenciais.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Introdução à Contabilidade: Conceitos básicos: Ativo, Passivo, Patrimônio Líquido, Receitas e Despesas. Relatórios Contábeis para a tomada de decisão: Balanço Patrimonial, Demonstração do Resultado Exercício e Fluxo de Caixa. Introdução a Contabilidade de Custos. Terminologia da Contabilidade de Custos. Esquema básico para apuração de custos.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Visão geral das tecnologias móveis e sem fio. Padrões de programação para dispositivos móveis. APIs de programação. Usabilidade. Utilização de uma plataforma de programação para dispositivos móveis.

Ementa:

Conceitos de linguagens de programação. Paradigmas de linguagens de programação: imperativas, funcionais, lógicas e orientadas a objetos. Noções de semântica formal. Teoria dos tipos: sistemas de tipos, polimorfismo. Verificação e inferência de tipos. Semântica formal de tipos.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Construção de aplicações para a web: prototipação de sistemas; utilização do padrão MVC e de outros padrões de projeto; persistência de dados; instalação da aplicação. Ferramentas para o desenvolvimento de aplicações na web.

Ementa:

Metodologias, Técnicas e Ferramentas para Gerenciamento de Projetos de Software. Riscos de Projeto de Software. Planejamento, Execução, Acompanhamento, Controle e Encerramento de Projeto de Software.

Ementa:

Programação Linear, Noções sobre o Espaço Vetorial, O Método Simplex, Dualidade, O Problema do Transporte, O Problema da Designação, Análise da Sensibilidade, Simulação, Controle de Parâmetros em Simulação.

Ementa:

Introdução ao processo de automação; Universo da automação e perspectivas; Estabilidade e desempenho de sistemas realimentados. Controle de sistemas a eventos discretos. Práticas de controle e automação. Requisitos dos sistemas informáticos para automação. Controle de processo e automação da agricultura de precisão. Controladores Programáveis. Técnicas de automação aplicadas a agricultura de precisão.

Ementa:

Orientação, acompanhamento e avaliação do projeto de trabalho a ser realizado pelo aluno em instituições públicas ou privadas, ou ainda, através de projetos de iniciação científica ou de tecnologia, desenvolvidos sob supervisão de professor.

Ementa:

Linguagem algorítmica. Análise de algoritmos: correção, pior acaso, caso médio, espaço ocupado, otimização e implementação. Projeto de algoritmos: recursividade, dividir e conquistar, programação dinâmica, algoritmo gulosos e algoritmos aproximados. Exemplos de algoritmos: classificação e algoritmos sobre grafos. Máquina de Turing, Maquina de Registradores. Tese de Church. Problemas insolúveis. Interatividade.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Conceitos básicos: histórico, terminologia, sistemas centralizados, distribuídos e paralelos. Paradigmas de comunicação entre processos (IPC). Sincronização em sistemas distribuídos. Sistemas distribuídos tolerantes a falhas. Modelos de programação distribuída: CORBA, RMI, Web Services. Tópicos Avançados.

Ementa:

Estudo introdutório dos fundamentos e aplicações da Inteligência Artificial. Histórico e princípios da IA. Resolução de problemas. Métodos informados e não informados de busca. Heurística. Jogos. Busca em Grafos e/ou. Estudo da representação do conhecimento. Sistemas Especialistas. Aplicações.

Ementa:

Conceitos e Princípios da Segurança da Informação. Conceitos e Fundamentos da Auditoria em Sistemas de Informação. Tecnologia de auditagem, conceitos básicos. Softwares de auditoria. Estrutura da função de auditoria de sistemas de informação nas organizações. Política de Segurança. O planejamento, implementação e avaliação de políticas de segurança de informações. Tecnologias de Segurança da Informação.

Ementa:

Apresentação de temas complementares ao curso. Discussão e estudo de pesquisas, novas tecnologias e tópicos atuais da área de computação e sistemas de

Ementa:

Código de propriedade industrial. Direito Autoral. Legislação de Patentes e Marcas. Propriedade Intelectual. Legislação específica sobre informática. Registros de Softwares. Registro de Direito Autoral. Critério ético e posturas morais. A ética e política social, a ecologia e as relações de gênero.

Ementa:

Fundamentos da Pesquisa Científica. Projeto de TCC. Delimitação do tema; Objetivo geral; Objetivos específicos; Problema de pesquisa; Justificativa; Metodologia. Técnicas de citação. Revisão bibliográfica. Fontes bibliográficas; Plágio. Leis de direitos autorais.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

– LIBRAS (Disciplina oferecida na estrutura curricular do curso, em caráter opcional, de acordo com o Decreto n. 5.626/2005).

– Língua Portuguesa

– Direito do Trabalho

– Filosofia

– Língua Inglesa

A oferta da disciplina optativa dar-se-á de acordo e mediante requerimento formal do aluno que queira cursá-la.

Ementa:

Tipos e contextos de aplicações de governança. Governança de TI e sua importância. Alinhamento estratégico de TI e governança de TI. Gestão e tipos de decisões de TI. Direitos e contribuições para a tomada de decisões em TI. Mecanismos para a implantação de Governança. Padrões e Frameworks de Governança de TI. Normas ISO, BSI e ABNT para TI.

Ementa:

Introdução à computação gráfica. Fundamentos de cor. Imagem digital. Dispositivos gráficos. Transformações geométricas e sistemas de coordenadas. Objetos gráficos planares. Objetos gráficos tridimensionais. Visualização e transformações de visualização. Recortes e janelas. Modelos de iluminação. Processamento de Imagens.

Ementa:

Acompanhamento e controle das atividades desenvolvidas na disciplina. Orientação para o desenvolvimento, testes e integração dos projetos. Acompanhamento e controle das atividades. Avaliação e apresentação do Trabalho de Conclusão.

Ementa:

Sistemas de informação de suporte ao processo decisório tático e estratégico. Análise e suporte ao processo decisório através de Data Mart, Data Warehouse e Data Mining. Relatórios gerenciais baseados em sistemas integrados de gestão (ERP) e os sistemas para gestão do relacionamento com o cliente (CRM). Gerenciamento de Processos de Negócios. Gestão do Conhecimento.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Histórico e evolução da Computação. Princípios de funcionamento do computador digital. Organização de Computadores: Processador, memória e dispositivos periféricos. Sistemas de Numeração. Aritmética Computacional. Introdução à Álgebra de Boole. Funções Booleanas, Portas Lógicas e Circuitos Lógicos.

Ementa:

Ementa: Histórico da Internet, conceitos básicos e Redes Sociais. Conhecimento de HTML, estrutura e comandos. Conceitos iniciais de desenvolvimento de páginas e Sites. Hospedagem e atualização de Sites.

Ementa:

O cenário econômico-social-tecnológico contemporâneo. As organizações. A Administração. O administrador. Habilidades gerenciais. Ambiente interno e externo de negócios. Cultura organizacional. Responsabilidade econômica, social e ambiental. Escola clássica. Fordismo. Escola comportamental. Escola estruturalista. Abordagem sistêmica. Abordagem contingencial. Tomada de decisões. Sistemas de informações gerenciais.

Ementa:

A natureza da ciência e da pesquisa. A produtividade do conhecimento científico. Projeto de pesquisa e seus componentes. Técnicas de pesquisa: análise documental, amostragem, coleta e análise de dados.

Ementa:

Conjuntos, Conjuntos Numéricos, Lógica preposicional, Álgebra de Boole, Relações, Introdução a Função,  Funções e suas aplicações,  Representação gráfica das funções em R2.

Ementa:

Bases conceituais e filosóficas da área de Sistemas de Informação. Os conceitos, objetivos, funções e componentes dos sistemas de informação. As dimensões tecnológica, organizacional e humana dos sistemas de informação. Os tipos de sistemas de informação. Áreas relacionadas a Sistemas de Informação.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Algoritmos e Programas. Introdução a Compilação. Ambientes de Desenvolvimento e Programação. Tipos de dados escalares, variáveis, atribuições e expressões. Estruturas de controle: decisão, repetição e desvio. Modularização e funções. Passagem de Parâmetros.

Ementa:

A origem e o conceito da Teoria Geral de Sistemas. O conceito de sistema.

Ementa:

Barramento, comunicações, interfaces e periféricos. Organização de memórias. Arquiteturas RISC e CISC. Linguagem de Máquina. Operações de Entrada/Saída. Representação dos Dados e Instruções. Introdução a Linguagens de Montagem. Modos de endereçamento. Interrupção. Arquiteturas paralelas.

Ementa:

Análise Combinatória e Probabilidade: Arranjo, Permutações, combinações, Espaço amostral, Probabilidades em espaços amostrais. Álgebra matricial: Matrizes, Determinantes e Sistemas Lineares e Estruturas algébricas e espaços vetoriais. Cálculo algébrico: Limites; Continuidade; Derivação; Integração; Sequências e séries e Equações diferenciais ordinárias.

Ementa:

Noções de Sociologia. A Sociedade Digital. Formação Humana para Profissionais das Áreas de Ciências Exatas. A importância da Informática para a Sociedade. Informática e Educação. Inclusão e Exclusão Digital. Ética em Computação. Regulamentação do Exercício da Profissão. Propriedade Intelectual. Grandes Desafios da Computação.

Ementa:

O indivíduo e a organização. Comportamento humano. Personalidade, ajustamento e produtividade. Comportamento social. Dinâmica organizacional.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Tendências do desenvolvimento científico e do uso tecnológico. Principais avanços da atualidade no campo da computação. Debates e palestras ministradas por especialistas. Eventos técnico-profissionais, afins à área profissional ou complementar. Práticas interdisciplinares.

Ementa:

Sistemas de informação de suporte ao processo decisório tático e estratégico (SAD, SIG, EIS). Tecnologias de informação aplicadas à sistemas de informação de suporte ao processo decisório estratégico e tático. Desenvolvimento de sistemas de informação de suporte ao processo decisório tático e estratégico. Características e funcionalidades de sistemas de informação de nível tático e estratégico nas organizações.

Ementa:

Introdução à Contabilidade: Conceitos básicos: Ativo, Passivo, Patrimônio Líquido, Receitas e Despesas. Relatórios Contábeis para a tomada de decisão: Balanço Patrimonial, Demonstração do Resultado Exercício e Fluxo de Caixa. Introdução a Contabilidade de Custos. Terminologia da Contabilidade de Custos. Esquema básico para apuração de custos.

Ementa:

Arranjos Multidimensionais. Tipos estruturados: registros. Arquivos. Apontadores. Alocação Dinâmica de Memória.

Ementa:

Conceitos básicos: população, amostra, amostragem, variáveis aleatórias. Séries estatísticas. Índices. Tabelas e Gráficos. Medidas de posição e de variabilidade. Regressão e Correlação: linear e múltipla. Ajuste e previsão. Probabilidade. Estimação. Testes de Hipóteses.

Ementa:

Histórico da evolução dos Sistemas Operacionais. Fundamentos de Sistemas Operacionais. Processos: cooperação, competição, concorrência, compartilhamento de recursos, comunicação e sincronização. Escalonamento de Processos. Gerenciamento de Memória. Realocação dinâmica, proteção, memória virtual, paginação e segmentação. Gerenciamento de I/O. Estudo de Casos.

Ementa:

Conceitos fundamentais de banco de dados. Arquitetura dos sistemas gerenciadores de banco de dados (SGBD). Projeto de banco de dados: conceitual, lógico e físico. Modelo conceitual de entidades e relacionamentos. Modelo de dados relacional. Dependências funcionais e normalização. Linguagens de definição e de manipulação de dados. Restrições de integridade e visões. Organização física de bancos de dados: técnicas de armazenamento e indexação.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Contextualização da Engenharia de Software. Fundamentação dos Princípios da Engenharia de Software. Conceituação de Produto e Processo de Software. Caracterização do Projeto de Software. Introdução a Análise de Requisitos. Metodologias Ágeis.

Ementa:

Abstração de Dados. Classes, objetos, atributos e métodos (estáticos e da classe). Encapsulamento. Construtores e destrutores. Sobrecarga de operadores e métodos. Herança. Polimorfismo. Classes Abstratas, Interfaces. Desenvolvimento de aplicações utilizando uma linguagem orientada a objetos.

Ementa:

Redes de Computadores: origem e aplicações. Padronização e Modelo de Referência OSI. Pilha de Protocolos da Internet. Serviços de Comunicação de Dados. Hardware e Software de Rede. Meios de transmissão. Redes de Alta Velocidade.

Ementa:

SQL Avançado. Administração de Banco de Dados. Gerenciamento de transações. Controle de concorrência. Recuperação e otimização. Segurança. Bancos de dados distribuídos. Sistemas de Apoio a Decisão: Datawarehouse, Datamarts. Datamining e OLAP. Novos paradigmas em Bancos de Dados.

Ementa:

Recursividade, Tipos básicos de dados. Listas lineares e suas generalizações: listas ordenadas, listas encadeadas, pilhas e filas. Aplicações de listas. Introdução árvores e suas generalizações. Algoritmos clássicos de ordenação e busca.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Conceitos de linguagens de programação. Paradigmas de linguagens de programação: imperativas, funcionais, lógicas e orientadas a objetos. Noções de semântica formal. Teoria dos tipos: sistemas de tipos, polimorfismo. Verificação e inferência de tipos. Semântica formal de tipos.

Ementa:

Modelos de gerenciamento de redes de computadores: normas e padrões. Protocolos de gerência. Qualidade de Serviços. Projeto lógico e físico de redes. Ferramentas para gerenciamento de redes de computadores.

Ementa:

Orientação, acompanhamento e avaliação do projeto de trabalho a ser realizado pelo aluno em instituições públicas ou privadas, ou ainda, através de projetos de iniciação científica ou de tecnologia, desenvolvidos sob supervisão de professor.

Ementa:

Ambientes visuais de desenvolvimento. Programação orientada a eventos. Modelo PME – Propriedades, Métodos e Eventos. Componentes gráficos básicos de uma interface. Desenvolvimento de aplicações gráficas. Integração com Banco de Dados. Componentes gráficos avançados.

Ementa:

Estudo aplicações das estruturas de dados: Árvores binárias, árvores binárias de busca, árvores balanceadas, árvores B e B+. Aplicações de Árvores. Grafos e Aplicações. Tabela Hashing.

Ementa:

Modelos de Maturidade. Modelagem de software. Teste e qualidade de software. Reengenharia e engenharia reversa.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Noções gerais de direito aplicado. Direito constitucional. Direito civil. Código de propriedade industrial. Consolidação das Leis do Trabalho e legislação específica. Direito Autoral. Legislação de Patentes e Marcas. Propriedade Intelectual e Responsabilidade Civil. Legislação específica sobre informática. Registros de Softwares. Registro de Direito Autoral. Critério ético e posturas morais. A ética e a economia, a política, a ecologia e as relações de gênero.

Ementa:

Linguagem algorítmica. Análise de algoritmos: correção, pior acaso, caso médio, espaço ocupado, otimização e implementação. Projeto de algoritmos: recursividade, dividir e conquistar, programação dinâmica, algoritmo gulosos e algoritmos aproximados. Exemplos de algoritmos: classificação e algoritmos sobre grafos. Máquina de Turing, Maquina de Registradores. Tese de Church. Problemas insolúveis. Interatividade.

Ementa:

Construção de aplicações para a web: prototipação de sistemas; utilização do padrão MVC e de outros padrões de projeto; persistência de dados; instalação da aplicação. Ferramentas para o desenvolvimento de aplicações na web.

Ementa:

Histórico. Interação Humano-Computador: terminologia e definições. As Interfaces Humano-Computador. Fatores Humanos. Aspectos sobre usabilidade, ergonomia e interatividade nos projetos de Software. Arquiteturas de Software e padrões para interfaces de usuários. Avaliação de Interfaces de Aplicações computacionais. Projeto e Implementação de Sistemas interativos.

Ementa:

Orientação, acompanhamento e avaliação do projeto de trabalho a ser realizado pelo aluno em instituições públicas ou privadas, ou ainda, através de projetos de iniciação científica ou de tecnologia, desenvolvidos sob supervisão de professor.

Ementa:

Conceitos Gerais sobre o Agronegócio; Importância do Agronegócio Brasileiro; O Futuro do Agronegócio no Brasil; O potencial do Mercado de Software para o Agronegócio no Mundo, no Brasil e no Estado do Maranhão; Tecnologias de Informação Aplicadas ao Agronegócio; Tendências e perspectivas da Tecnologia da Informação aplicada à agricultura; Estudo do mercado brasileiro de software para o agronegócio: cenários, prospecção e oportunidades.

Ementa:

Metodologias, Técnicas e Ferramentas para Gerenciamento de Projetos de Software. Riscos de Projeto de Software. Planejamento, Execução, Acompanhamento, Controle e Encerramento de Projeto de Software.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Apresentação de temas complementares ao curso. Discussão e estudo de pesquisas, novas tecnologias e tópicos atuais da área de computação e sistemas de informação.

Ementa:

Conceitos básicos: histórico, terminologia, sistemas centralizados, distribuídos e paralelos. Paradigmas de comunicação entre processos (IPC). Sincronização em sistemas distribuídos. Sistemas distribuídos tolerantes a falhas. Modelos de programação distribuída: CORBA, RMI, Web Services. Tópicos Avançados.

Ementa:

Estudo introdutório dos fundamentos e aplicações da Inteligência Artificial. Histórico e princípios da IA. Resolução de problemas. Métodos informados e não informados de busca. Heurística. Jogos. Busca em Grafos e/ou. Estudo da representação do conhecimento. Sistemas Especialistas. Aplicações.

Ementa:

Acompanhamento e controle das atividades desenvolvidas na disciplina. Orientação para o desenvolvimento, testes e integração dos projetos. Acompanhamento e controle das atividades. Avaliação e apresentação do Trabalho de Conclusão.

Ementa:

Tipos e contextos de aplicações de governança. Governança de TI e sua importância. Alinhamento estratégico de TI e governança de TI. Gestão e tipos de decisões de TI. Direitos e contribuições para a tomada de decisões em TI. Mecanismos para a implantação de Governança. Padrões e Frameworks de Governança de TI. Normas ISO, BSI e ABNT para TI.

Ementa:

Conceitos e Princípios da Segurança da Informação. Conceitos e Fundamentos da Auditoria em Sistemas de Informação. Tecnologia de auditagem, conceitos básicos. Softwares de auditoria. Estrutura da função de auditoria de sistemas de informação nas organizações. Política de Segurança. O planejamento, implementação e avaliação de políticas de segurança de informações. Tecnologias de Segurança da Informação.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Ementa:

Projeto de especificação de linguagens de programação. Estudo das etapas que compreendem o processo de compilação: Análise Léxica, Análise Sintática, Análise Semântica, Geração e Otimização de Código. Evolução e tendências da área de compiladores e linguagens de programação.

Ementa:

Apresentação de temas complementares ao curso. Discussão e estudo de pesquisas, novas tecnologias e tópicos atuais da área de computação e sistemas de informação.

Ementa:

Acompanhamento e controle das atividades desenvolvidas na disciplina. Orientação para o desenvolvimento, testes e integração dos projetos. Acompanhamento e controle das atividades. Avaliação e apresentação do Trabalho de Conclusão.

Ementa:

Visão geral das tecnologias móveis e sem fio. Padrões de programação para dispositivos móveis. APIs de programação. Usabilidade. Utilização de uma plataforma de programação para dispositivos móveis.

Ementa:

Introdução à computação gráfica. Fundamentos de cor. Imagem digital. Dispositivos gráficos. Transformações geométricas e sistemas de coordenadas. Objetos gráficos planares. Objetos gráficos tridimensionais. Visualização e transformações de visualização. Recortes e janelas. Modelos de iluminação. Processamento de Imagens.

Ementa:

A oferta da disciplina optativa dar-se-á de acordo e mediante requerimento formal do aluno que queira cursá-la.

Ementa:

Empreendedorismo: conceitos e importância. O empreendedorismo nos cenários brasileiro e mundial. A figura e a ação dos empreendedores no processo de criação de novas empresas. Etapas do processo de criação de empresas. Características e peculiaridades das pequenas e médias empresas. Diagnóstico e gestão de pequenas e médias empresas. Plano de negócios. Incubadoras de empresas.

Ementa:

Com base no Parecer CNE/CES n. 261/2006, compreende a integração e a socialização pessoal e profissional dos estudantes, que ocorre nos intervalos de 20 minutos por dia letivo (padrão da IES). A utilização dos intervalos como atividade acadêmica, além daquelas atividades que ocorrem em sala de aula, é uma prática consagrada na incorporação à hora escolar brasileira e se enraíza no próprio racionalismo pedagógico, fazendo parte da atividade educativa e formativa do aluno e do tempo de trabalho escolar efetivo, uma vez que, também nos intervalos, o aluno fica sobre a influência direta da Faculdade e do ambiente acadêmico institucional, no seu sentido amplo.

Professor Mestre Júnior Marcos Bandeira

Formação:

  • Mestre em Tecnologia da Informação pela Universidade Federal de Santa Maria – RS;
  • Especialista em Programação Avançada e Redes de Computadores pela Universidade de Cruz Alta – RS;
  • Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul.

 

Contato:

E-mail: coord.sistemas@unibalsas.edu.br
Telefone: (99) 3542-5500

Nome Titulação Currículo Lattes
Bruno Ramon de Almeida e Silva Mestre Acessar
Edilmárcio Reis Costa Silva Especialista Acessar
Jakson Ferreira de Sousa Especialista Acessar
Junior Marcos Bandeira Mestre Acessar

Os Núcleos de Práticas foram criados para atender às demandas da Sociedade em geral, ao mesmo tempo em que proporcionam aos acadêmicos uma melhor articulação entre teoria e prática recebidas em sala de aula e as atividades práticas relacionada à profissão. Situações que envolvem o dia a dia das áreas abrigadas pelos núcleos poderão ser trazidas pela sociedade em geral e discutidas com uma equipe de estudantes orientados por professores com conhecimento na área.

O Núcleo de Práticas Tecnológicas (NPT) da Faculdade de Balsas objetiva promover o contato do aluno do curso de Sistemas de Informação com o mercado de trabalho.

Por meio do NPT, o acadêmico presta assessoria para as empresas que requisitarem parceria com a Faculdade de Balsas. O Coordenador do NPT, então, descreve previamente as atividades exercidas, demonstrando como será o procedimento do trabalho e ainda, apresenta um plano de ação contendo as atribuições e as datas previstas para a realização dos trabalhos.

Coordenação: Prof. Bruno Ramon de Almeida e Silva, com acompanhamento dos professores do curso de Sistemas de Informação da Faculdade de Balsas.

Público-alvo: Empresas do município de Balsas/MA, dispostas a participarem de projetos com a assessoria de alunos e professores da Faculdade.

Contato: (99) 3542-5500

Horário de atendimento: De segunda a quinta, das 14h às 18h.

Regulamento do Núcleo de Práticas Tecnológicas